The Jaguar 02

  • Jaguar
  • Carro
  • Corrida
  • Anos
  • Assim
  • Mundo
  • Carros
  • Pilotos
  • Equipe
  • Pista
Neste número, apresentamos um novo membro da família Jaguar, com o lançamento do E-PACE. Romain Grosjean, piloto de F1, revela a sua paixão pela Jaguar, e a equipe Panasonic Jaguar Racing apresenta um insight dos seus preparativos. Além disso, fomos conhecer a corrida de drones e passamos um dia excepcional com o XF Sportbrake.

MARKE PREPARAÇÃO

MARKE PREPARAÇÃO MENTAL Quando o sábado finalmente chega, fica evidente outra diferença fundamental entre a Fórmula E e outras modalidades de automobilismo. Evans confirma: “O fato de ter apenas um dia para fazer aquilo que as outras modalidades têm dois ou três dias para realizar é a parte mais difícil. A Fórmula E tem duas sessões de treinos livres, a qualificação, a Super Pole e a corrida, tudo no mesmo dia. Ou seja, o dia passa rápido e é muito intenso. Além disso, é preciso planejar as atividades com a imprensa durante a semana. Mesmo que o dia esteja reservado para a corrida, é preciso estar preparado psicologicamente.” Agora o ritmo das atividades fica ainda mais intenso e o dia é dividido em segmentos de 10 ou 15 minutos, a partir do momento em que o parque é aberto às 6h30. Após a inspeção da pista e um exercício com o safety car, os pilotos Adam e Mitch finalmente vão para a pista para um treino de 45 minutos, seguido por uma sessão informativa com instruções detalhadas. Em seguida, a qualificação, — que vai das 12h às 12h45 — é dividida em quatro grupos. A disputa da Super Pole – outra inovação da Fórmula E, na qual os cinco melhores competem pela pole position – ocorre das 12h45 às 13h. Nesse momento, a ação é intensa. O gerenciamento da estratégia para a corrida, que envolve o monitoramento das condições da pista e das manobras dos adversários, a supervisão da comunicação e do uso da energia, requer mão firme e uma visão geral clara em todos os momentos. FATOS E NÚMEROS DIREÇÃO A direção é manuseada através de um sistema de direção de cremalheira e pinhão não assistido, com um painel incorporado ao volante. RODAS E PNEUS O I-TYPE está montado em quatro pneus Michelin de 18” para uso em condições úmidas e secas. Instalado em aros trançados de magnésio para corrida, o conjunto dianteiro possui uma largura máxima de 260 mm e o conjunto traseiro 305 mm. O diâmetro máximo é de 650 mm para o conjunto dianteiro e 690 mm para o traseiro. FREIOS Os freios de corrida de carbono do I-TYPE têm finalidade dupla, por também oferecerem carga regenerativa da bateria do carro por meio da MGU no eixo traseiro. 40 THE JAGUAR

FOTOGRAFIA: LAT PHOTOGRAPHY É no dia da corrida que a equipe vê o bom resultado da preparação minuciosa. A partir do momento em que os pilotos dão partida nos motores, é a atenção aos detalhes que leva aos bons resultados. NO DECORRER DA 1 A E DA 2 A TEMPORADAS, OS CARROS DA FÓRMULA E, MOVIDOS A BATERIA, PERCORRERAM UMA DISTÂNCIA COMBINADA DE 119.000 KM. ISSO EQUIVALE A TRÊS VOLTAS AO MUNDO E APROXIMADAMENTE UM TERÇO DA DISTÂNCIA ENTRE A TERRA E A LUA PEGANDO EMBALO A prova na Cidade do México foi a 25 a corrida de Fórmula E e uma análise rápida dos tempos nas voltas de classificação confirma que a modalidade está ficando muito empolgante e competitiva. Os diferenciais da Fórmula E são a intensidade e a variedade de fatores a serem monitorados na pista assim que a corrida começa. Nas palavras de Coorey: “O gerenciamento da estratégia é algo que exige bastante, mas eu gosto muito disso. Preciso monitorar tudo com atenção – tempo, feed de TV, mensagens do controle da prova, adversários, uso da energia, energia restante e temperatura da bateria. Além de tudo isso, preciso me comunicar com o piloto e decidir a melhor forma de utilizar a energia.” Mesmo assim, a preparação e o trabalho árduo deram frutos nas rodadas de classificação e na corrida principal: Carroll ficou na 12 a posição no grid, a apenas 0,841 segundo do tempo de Oliver Turvey, que ficou com a pole. A diferença entre ele e Mitch Evans foi de apenas um centésimo de segundo. No fim das contas, foi nessa corrida que a Jaguar teve o seu melhor resultado até o momento: Evans ficou em quarto lugar, encostado no ganhador Lucas di Grassi. Carroll terminou na oitava posição, com apenas alguns segundos de diferença. “Conseguimos um ritmo bom, e eu fiz uma corrida veloz e com níveis de energia muito bons. O fato de os dois pilotos terem marcado pontos é muito importante para a equipe”, comemorou Evans. James Barclay, diretor da equipe, acrescentou: “Chegar a isso depois de apenas quatro corridas é sinal de que teremos um bom futuro. Para uma equipe nova como a nossa, isso é uma grande motivação. É a consequência das várias horas de trabalho de todos os envolvidos.” Depois disso, a equipe pode encerrar o expediente, fazer as malas e voltar para a sede em Oxfordshire – onde a preparação para a próxima corrida, em Mônaco, começará imediatamente. Para ver mais sobre a Fórmula E, acesse jaguarracing.com UMA BATERIA DE FÓRMULA E CONTÉM 200 KG DE CÉLULAS DE ÍONS DE LÍTIO. ISSO EQUIVALE A 300 BATERIAS DE LAPTOP OU 4.000 BATERIAS DE CELULAR THE JAGUAR 41

 

JAGUAR

JAGUAR MAGAZINE

 

A REVISTA JAGUAR celebra a criatividade em todas as suas formas, com características que inspiram emoção sensorial, do design sedutor até a tecnologia de ponta.

A edição mais recente apresenta algumas pessoas inspiradoras: de Luke Jennings, criador de Villanelle, uma das personagens mais interessantes dos últimos tempos, a Marcus Du Sautoy, que fala se a inteligência artificial está à beira de se tornar criativa. Na estrada, visitamos os EUA para explorar o paraíso gastronômico de Portland em um Jaguar I-PACE, levamos um Jaguar XE ao sul da França para uma visão de fotógrafo da charmosa cidade de Arles, e muito mais.

Na cidade somos todos pedestres.

© JAGUAR LAND ROVER LIMITED 2020

Registered Office: Abbey Road, Whitley, Coventry CV3 4LF
Registered in England No: 1672070
Os números referentes ao consumo de combustível são resultado de testes oficiais do fabricante em acordo com as leis da UE, possuindo função puramente comparativa. O consumo efetivo de um veículo pode diferir dos alcançados em tais testes.