THE JAGUAR 05

  • Jaguar
  • Carro
  • Corridas
  • Carros
  • Corrida
  • Mundo
  • Anos
  • Motor
  • Velocidade
  • Desempenho
Descubra um lado diferente de Eva Green | Será possível que seu próximo taxi seja um Jaguar I-PACE autônomo? | O que é preciso para quebrar um recorde em uma volta no lendário circuito Nürburgring Nordschleife | Nossos “petrolheads” competindo na nova série de corridas 100% elétricas da Jaguar | Conheça os detalhes das mais recentes edições especiais dos modelos XE e XF: o 300 SPORT

DESBRAVADORAS Al-Hamad,

DESBRAVADORAS Al-Hamad, que seguiu sua paixão de infância pela direção, agora pode dirigir à vontade na Arábia Saudita. A pista de corrida Reem – uma faixa preta e empoeirada de asfalto a oeste de Riad, na Arábia Saudita – provavelmente já testemunhou uma cena como esta milhares de vezes. Um reluzente carro esportivo brilha ao sol do meio-dia enquanto dispara pelas curvas, os pneus cantando quando o piloto, em êxtase, leva-os até o limite. No entanto, esta fusão fluida de carro, piloto e pista é tudo, menos comum. Ao volante do Jaguar F-TYPE Coupé Ultra Blue está a piloto de corridas, empresária, designer de interiores, engenheira e entusiasta do automobilismo Aseel Al-Hamad. Al-Hamad, que acaba de entrar com estrondo na via dos boxes, simboliza os primeiros passos do país em direção a um futuro que, apenas um ano atrás, parecia quase inconcebível. Em 24 de junho de 2018, exatos nove meses após decreto real do rei Salman bin Abdulaziz Al Saud, a Arábia Saudita suspendeu as restrições que proibiam as mulheres de dirigir em todo o país. Para marcar esse evento histórico, Al-Hamad uniu-se à Jaguar para celebrar a tão esperada mudança cultural da nação com uma volta comemorativa no Jaguar F-TYPE em sua terra natal. A volta faz parte do primeiro Dia Mundial da Direção, destaque anual da colaboração da Jaguar com mais de 40 universidades e instituições acadêmicas de todo o mundo em prol das soluções de mobilidade futuras. Para comemorar o fim da proibição, o evento será expandido em breve, a fim de incluir também universidades parceiras da Arábia Saudita. De certo modo, esse dia era apenas uma questão de tempo para Al-Hamad, mesmo ela tendo crescido em um país que, até agora, era o único no mundo a proibir as mulheres de dirigir em suas ruas. “Minha paixão por dirigir começou quando menina”, sorri Al-Hamad. 56 THE JAGUAR

“ESTAR EM UM CARRO PARA VIVER AVENTURAS POR CONTA PRÓPRIA SERÁ INCRÍVEL.” “Sempre preferi brincar com os carrinhos de brinquedo do meu irmão. Ao longo dos anos, minha família sempre me incentivou a seguir meus sonhos de piloto.” Depois de se formar em design de interiores pela Prince Sultan University, Al-Hamad fundou a IDegree Design, uma empresa de engenharia e design completa, especializada em interiores residenciais e comerciais de alto padrão. À medida que os negócios cresciam, os colegas passavam a observá-la com atenção; em seguida, veio uma nomeação para o prestigiado Conselho Saudita de Engenheiros. Enquanto isso, o automobilismo se tornava um interesse cada vez maior, que ela canalizava para a escrita, os track days, os workshops e as pistas de corrida profissionais, o que logo fez dela uma das primeiríssimas mulheres aficionadas por carros na Arábia Saudita. Ela ficou famosa por ser a primeira mulher a importar uma Ferrari para o país. Acabou sendo reconhecida como a principal defensora das mulheres no automobilismo ao se tornar a primeira integrante mulher da Federação de Automobilismo da Arábia Saudita e da Comissão de Mulheres no Automobilismo criada pela FIA, entidade que administra a Fórmula 1. Al-Hamad diz que, uma vez no palco central do automobilismo mundial, ela percebeu que tinha encontrado sua vocação. “Eu tinha e tenho a ambição e o desejo de me tornar um modelo para as futuras gerações de mulheres”, diz ela. “Quero que elas identifiquem sua paixão pelas corridas e comecem a exercer essa paixão desde cedo. Espero que isso inspire novas gerações de mulheres do mundo todo a desfrutar a emoção de dirigir e de estar ao volante.” Como milhões de mulheres sauditas agora podem dirigir (e até competir), Al-Hamad diz que o impacto disso sobre a vida no reino saudita será imediato e profundo. “Três coisas vão mudar na essência a partir de agora”, diz ela. “Nós, mulheres da Arábia Saudita, teremos um novo senso de responsabilidade, o que é extremamente importante. Em segundo lugar, isso afeta nossa independência. Estou ansiosa por poder ter minha própria agenda na minha vida e nos meus negócios, sem precisar ser dependente dos outros.” “Em terceiro, isso criará mais oportunidades para passar tempo de qualidade com meus entes queridos. Acho que as pessoas não dão a devida importância a curtir e criar momentos e lembranças especiais. Estar em um carro para viver novas aventuras por conta própria será incrível.” Al-Hamad diz que a experiência de se ver no meio de uma mudança desse porte no coração de seu país de origem é algo que ela guardará pelo resto da vida. “Todas as mulheres sauditas vão se lembrar de 24 de junho como um dia histórico”, ela sorri, visivelmente emocionada. “Tive de esperar a vida toda por isso, mas sempre acreditei que um dia aconteceria. Isso me deixa muito orgulhosa. E me lembra de nunca desistir dos sonhos.” De volta à pista, o ronco característico do F-TYPE se reduz a um chiado contente enquanto o carro esfria. Um sentimento de conquista e orgulho paira no ar e se mistura com a tagarelice das equipes da pista e da mídia, quando Al-Hamad dá o dia por encerrado. No asfalto atrás dela, as marcas de pneus ainda parecem frescas: símbolos ousados da emocionante jornada na qual estão agora milhões de mulheres como ela. Para ver Aseel em ação, busque “World Driving Day” no canal da Jaguar no YouTube THE JAGUAR 57

 

JAGUAR

JAGUAR MAGAZINE

 

A REVISTA JAGUAR celebra a criatividade em todas as suas formas, com características que inspiram emoção sensorial, do design sedutor até a tecnologia de ponta.

A edição mais recente apresenta algumas pessoas inspiradoras: de Luke Jennings, criador de Villanelle, uma das personagens mais interessantes dos últimos tempos, a Marcus Du Sautoy, que fala se a inteligência artificial está à beira de se tornar criativa. Na estrada, visitamos os EUA para explorar o paraíso gastronômico de Portland em um Jaguar I-PACE, levamos um Jaguar XE ao sul da França para uma visão de fotógrafo da charmosa cidade de Arles, e muito mais.

Na cidade somos todos pedestres.

© JAGUAR LAND ROVER LIMITED 2020

Registered Office: Abbey Road, Whitley, Coventry CV3 4LF
Registered in England No: 1672070
Os números referentes ao consumo de combustível são resultado de testes oficiais do fabricante em acordo com as leis da UE, possuindo função puramente comparativa. O consumo efetivo de um veículo pode diferir dos alcançados em tais testes.